Mano, o álcool, e as asneiras.

Na última quinta-feira, dia 28 de março, Mano Menezes foi abordado em uma Blitz da Polícia Militar do Rio de Janeiro, e por estar alcoolizado se negou a fazer o teste do bafômetro. A se julgar pelas declarações do técnico no dia de hoje, aparentemente não foi só nesta ocasião que o treinador gaúcho veio a fazer uso de bebida alcóolica.

Mano Menezes, e sua declaração polêmica. Seria efeito do álcool?

Mano Menezes, acredite se quiser, comparou o atual Barcelona, tido como o melhor time da história, com o Flamengo de Zico, colocando-os no mesmo patamar futebolístico. Sim, Mano teve a audácia e o “pachequismo” de comparar o poderoso time de Messi, que encanta a todo mundo, à um grande time do futebol brasileiro sim, mas longe de se equiparar aos melhores times da história do futebol que são liderados pela atual equipe da Catalunha.

O Melhor jogador da história do futebol mundial, Messi. 80% da seleção espanhola campeã do mundo em 2010. Xavi, Iniesta, Piqué, Puyol, Fábregas, David Villa, o chileno Alexis Sanchez, o coringa Pedro, o Argentino Mascherano, e o ótimo goleiro Valdés, esses nomes formam o time que caminha para se tornar o time mais vitorioso da história, e que apresenta o futebol mais bonito e eficiente já visto na face da terra.

Flamengo teve sim um  grande time, mas não se pode colocá-lo nem entre os 10 maiores do futebol mundial, até mesmo os resultados em campo mostram isso, cada qual em seu devido lugar, o Flamengo tem seu lugar na história, isso ninguém tira, mas superestimá-lo não é coerente, Mano se equivocou e isso é um fato.

Sim, caros leitores, Mano anda mesmo atordoado pelos problemas que enfrenta na seleção, isso começa a afetar o discernimento e a capacidade de análise futebolística do treinador, os Deuses do futebol hoje foram insultados pela indecência de Mano Menezes.

Anúncios